S ~ Saigo no Keikan


Para aprender
s-saigo-no-keikan-jdorama-serie-japonesa

Esse dorama te indico… para quem adora dorama policial. Mukai Osamu e Ayano Go… cada um defendendo a população conforme ao que acredita e acha correto. Com profissionais assim, para que Batman ou Homen-Aranha para nos defender?! 😉

O que é fazer justiça? O assassino deve pagar o crime com a própria vida ou deve quitar seu crime perante a lei e, na cadeia, pagar por cada minuto de sofrimento que a família da vítima veem passando? O que é o mais certo? O que é o melhor? Assista S ~ SAIGO NO KEIKAN (2014, 10 episódios, TBS) para ver qual a melhor solução (caso exista alguma…).

Quando criança, os pais de Yuzuru (Fukiishi Kazue) foram brutalmente assassinados perante seus olhos e de seu amigo de infância, Kamikura Itigo (Mukai Osamu). Para a menina, seu maior herói é o policial que matou tal assassino. Mas para Itigo, se tal criminoso não tivesse sido morto, saberiam o porquê dele ter cometido tal brutalidade que acabou trazendo só tristeza à sua amiga.

Vendo que não tinha nenhum dom para ser boxeador profissional, Kamikura resolve tornar-se um guarda de rua. E num incidente (com doidos atirando para tudo quanto é lado), o ex-boxeador ganha a atenção do chefe do grupo tático NPS – National Police Safetyrescue, Kashii (Omori Nao), já que sua forma de resolver um caso era exatamente igual: sempre prender o culpado, sem ter que precisar tirar a vida de ninguém.

Já dentro do NPS, Kamikura vê que existe uma grande rivalidade interna entre sua equipe e a do SAT (Special Assault Team), uma vez que o SAT defende a ideia de que se é para salvar a vítima, tudo é válido, inclusive matar. E ainda, ganha um rival mor: o atirador (mega) de elite Soga (Ayano Go).

Ao longo do dorama, muitos casos são retratados, cada equipe defendendo sua forma de resolução (claro que sendo o principal objetivo de ambos, defender a população). E, por mais que já tenhamos uma opinião formada sobre o assunto retratado, vários pontos de vista abordados na trama nos levam a reflexão. Além disso, desde o início coisas estranhas acontecem, levando a crer que alguns atos criminosos tenham a ajuda de alguém de dentro da corporação. E, para finalizar com chave de ouro, Aragaki Yui aparece na estória, fazendo o papel da filha do policial que matou o assassino dos pais de Yuzuru!

A estória é baseada no mangá publicado em 2009, com o mesmo título, escrito por Komori Yoichi e Yutaka Todo e traz suspense, amor e humor. Mukai Osamu, como sempre, continua lindo, maravilhoso, ótimo num papel bem maduro, sem deixar o toque brincalhão de lado. Mas quem realmente tomou toda minha atenção foi o personagem de Ayano Go. Admirável pela competência profissional e pelo ar misterioso (no dorama e na vida real!), mostrou-se na maior parte da trama, uma pessoa forte e fria. Por isso, quando sua fragilidade e sua emoção veem a tona… uau! … somos capazes de mergulhar na vida do personagem. Um ator que faz isso, merece nosso reconhecimento… e foi assim que Ayano Go entrou na lista dos preferidos de Sayuri Nê…rsrs.

Coincidentemente, uma semana depois de terminar de assistir ao dorama, Ayano apareceu sendo entrevistado no programa do NHK, Asaiti. Lá, revelou que sua maior dificuldade (até uns 20 e poucos anos) era a de conseguir confiar plenamente nas pessoas ao seu redor. Por isso, sentia-se mais confortável quando estava sozinho. Talvez, por já ter um jeitão assim,  ele consiga representar tão bem papéis de personagens solitários. E o que me deixou ainda mais admirada…é que ele sorri! Coisa que não tinha visto em nenhum de seus doramas que assisti! 😉

Amei, também, a música-tema Boku wa Pegasus, kimi wa Polaris, da cantora MISIA. Acabei fazendo uma associação aos personagens, por conta própria: Pegasus (que na mitologia, é um cavalo alado que serviu de braço direito a muitos deuses e que recebeu, como bonificação, fazer parte da constelação) seria Kamikura e Polaris (que apesar de ser um conjunto de estrelas, mostra-se como um ponto de brilho solitário) seria Soga. Muita imaginação? rsrs… Talvez! Mas que os dois são estrelas, isso ninguém pode negar! Ouça um trecho da linda canção:


Veja mais fotos no site oficial (aqui). Em: Dorama x264 e Good drama (legendas em inlgês).

Acima de tudo, o que mais queremos é que a justiça seja feita. Não sei qual dos dois princípios (do Soga ou do Kamikura) funcionariam aqui, no nosso país. Mas que seria um alívio ter um respaldo como mostrado no dorama, isso seria. E, enquanto reivindicamos uma maior segurança e esperamos que nos deem o que precisamos como população, só nos resta, infelizmente, ficarmos trancafiados dentro de casa. E para não ficar tão tedioso e chato, que tal assistir a um dorama, né?!

 

  • Lui

    Oi Sayuri!

    Será que hoje consigo enviar o meu comentário?….perdi dois…..por falha minha….^^.

    Assisti a esse dorama, e é muito bom. Prende a gente do inicio ao fim, um prato cheio para quem é fã de Mukai Osamu e Ayano Go.

    Mukai Osamu, com aquela carinha de moleque, o papel lhe caiu bem, fazendo parte do grupo tático que preserva a vida dos criminosos a qualquer custo, mas fora do ambiente de trabalho, sempre muito divertido. Diferentemente do Ayano Go, que faz parte do outro grupo que quer eliminar os criminosos p salvar as vítimas, e sempre muito sério.

    A grande surpresa foi Arakagi Yui participar do último episódio. Sempre a vi fazendo papel de garota romântica, mas desta vez, de uma atiradora de elite…uau!
    Esse dorama indico tbém, porque além desses atores, tem outros conhecidos e bons.

    Beijos!

    • sayurine

      Olá, Lui!! Ainda bem que conseguiu mandar seu comentário!! Esse dorama é muito bom mesmo! Principalmente para quem gosta de uma estória policial!

      Esperamos vc sempre por aqui!

      Bjão!

  • Miki Yoshikava

    Opa! Dorama, Seriado, Filme, Livro com tema policial é comigo mesmo… XD

    Então nem preciso falar que acompanhei do começo ao fim o dorama né? Não só porque era policial, mas também por ser aos sábados, e no intervalo da programação de Tensai Doubutsuen e o Arashi ni Shiyagare… hehehe

    E realmente, esse dorama foi uma surpresa para mim… Sempre estava acostumada a ver aqueles dramas, estórias românticas, choros e mais choros que já tinha perdido as esperanças com os doramas japoneses (nossa, que exagero!!), mas quando vi o primeiro capítulo… UAU!!!! Primeiro: o policial lá chuta (não lembro se chuta ou arremessa) a granada pro ar; Segundo: o sniper vai lá e atira na granada… WHAT???? (Ah! Não sou boa em guardar nomes) Sim, foi amor a primeira vista… hahahaha

    Até cogitei comprar o mangá, mas fiquei traumatizada depois de comprar Shitsuren no Chocolatier… é assim que se escreve???

    Engraçado foi uma pegadinha que fizeram com o Mukai e a Fukiishi…. e foram os próprios “tios” que zuaram eles, coitados… =]

    • http://essedoramateindico.com.br/?page_id=16/#ne Sayuri Nê

      Oie, Miki!!! Os doramas policias do Nihon tão cada vez melhores! E essa cena que vc está falando… é MUITO boa!!! Amei Ayano Go!! Não faz o papel de galã…mas arranca suspiros!rsrs

      Shitsuren Chocolatier… eu também esperava um pouquinho mais… e o q parece… o roteiro do dorama é bem fiel ao mangá. É mesmo?? Só li o primeiro!

      Seu comentário, como sempre, é o máximo!

      Bjoo